sexta-feira, 30 de maio de 2008

Dia Mundial Contra o Tabaco



"O cigarro foi, por muitos anos, um símbolo de luxo, satisfação e status social. Sua venda é motivada pela exploração de uma imagem estratégica, em promoção de festas, concertos e eventos esportivos, sempre ligada ao que está na moda".



Após anos de consumo, o tabaco vem perdendo suas características "positivas", e mostrando seu verdadeiro perfil. Hoje não há mais muita dúvida sobre os malefícios do uso de seus derivados para a saúde do fumante e de todos que vivem ao seu redor. O tabagismo, segundo vários estudos, é responsável por 200 mil mortes por ano no Brasil (23 pessoas por hora), e quase 50 doenças diferentes.

10 comentários:

Georgia disse...

O que no comeco era um modismo da época e muito charme para as mulheres que fumavam e a caracteristica de pessoa emancipada hoje se tornou uma praga para a saúde.

Bom fim de semana

Adri /Dri /Drika disse...

Não entendo como algo que pode causar tanto mal é vendido de forma legal. Parabéns por participar da blogagem.

Espaço Mensaleiro disse...

Querido, lamento confessar que o cigarro quase me matou.

Ainda bem que é passado.

Um grande abraço.

TENHA UM ÓTIMO FIM DE SEMANA.

Eliana

NANA disse...

Pois é... tem até um banner que vi por aí que falava daquele ator da propaganda do Marlboro, ele morreu de câncer.
Infelizmente, ainda há muitas pessoas que vêem o cigarro como status, presença e etc...
Muito Obrigado pela participação!
Beijinhos

Tetê disse...

Fumar está completamente fora de moda, não? Precisamos apagar essa idéia! Muito bom o seu post! Também aderi à campanha! Bjks e bom domingo. Tetê :)
www.minhacasa.myblog.com.br

Lulu on the Sky® disse...

Oi Erik.
Tb faço parte dessa blogagem coletiva contra o tabagismo.
Fico feliz q as pessoas aos poucos acordem para a vida e abandonem esse vicio nojento.
Big Beijos

Éverton Vidal disse...

Grande armadilha colocar o cigarro ou o tabaco como status...

Só nao concordo muito com o que disse a adri aí em cima. Muita coisa que nos faz mal é vendido normalmente (como as gordurinhas da picanha). É precisa antes de tudo nao ser hipócrita, lutar contra o tabaco, maslutar tb contra outras coisas tidas como normais.

Gostei da sua reflexao. Inté!

NANDO DAMÁZIO disse...

Ótimo post, Erick, quanto mais informação melhor ..
Muito obrigado pela sua participação na Campanha, cumprimos a missão !!
Abração e até logo !!

Jacinta Dantas disse...

Simplesmente assim: direto e certeiro, sem rodeios e floreios. Gostei muito

Diario da Fafi disse...

23 pessoas por hora podiam estar fazendo amor, bebendo um chocolate quente, dando um sorriso, vivendo...
Beijos.